Sobre o Ryder

Gosto muito. Gostei ainda mais do ataque dele, e só a vitória do de Marchi me afagou os sentimentos de tristeza depois da queda no momento em que fazia um ataque com tudo para resultar.

Sobre a estupidez humana já sabemos com o que contar. Quando esta se mistura com actividades tão ligadas à emoção, como o desporto e neste caso o ciclismo, as proporções podem ser brilhantes. Cabe a cada um dos racionais simplesmente ignorar o caso e não alimentar polémicas absurdas.

O problema é quando este tipo de polémicas são alimentadas por instituições que vivem directamente da saúde de um determinado desporto. É o caso deste exemplo que se apresenta, onde as duas empresas se lembraram de criar buzz a partir de uma não situação. É interessante no imediato, já que se coloca um conjunto cada vez maior de cromos a discutir nada, criando atenção para aquelas empresas. O problema é que para mim, aquelas empresas alimentam aface ridícula do desporto, e isso para mim vale muito.

hesjedal

No entretanto, ajudei a alimentar a polémica.

 

Agora a questão que realmente importa. Por que raio é que o Daniel Martin está numa forma tão abaixo da qualidade que foi prometida nas milhares de entrevistas e publicações que surgiram antes da Vuelta? Mais um pouco e o nosso André lhe passava a perna.

É que isto é uma matéria que me importa, porque eu coloquei-o na minha equipa do Velogames, e estou profundamente frustrado com a sua prestação.

Anúncios

O ciclista incrível preza a palavra alheia

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s